Skip to content

Machu Picchu – 1º Dia – Belo Horizonte (MG) – Uberlândia (MG)

17/05/2011

Acordamos umas 8h e fomos arrumar as motos. As malas já estavam prontas, mas o processo de montar as malas nas motos é bem exaustivo, principalmente nas primeiras vezes. Essa é uma grande vantagem de baús: basta encaixar nos suporte e beleza! No nosso caso, alforges e malas presas com elásticos dão algum trabalho. Depois de alguns dias fazendo a mesma coisa a prática ajuda.

Saímos por volta de umas 9h e chegamos no ponto de encontro, um posto na saída da BR 040 para Brasília. Apesar de não ser nosso caminho, marcamos a saída para encontrarmos com os Águias do Ibituruna, que sairiam para sua viagem anual para esta direção.

No posto, além dos Águias do Ibituruna, encontramos amigos que foram nos desejar boa sorte pessoalmente: Haroldo, Luis e Gush. O Luis encontraríamos dias mais tarde em Cuzco, junto com o Robert. Ao todo devia haver umas 15 pessoas na saída: os 4 grandes aventureiros (é nui), 3 amigos nossos e 7 dos Águias do Ibituruna.

Depois das depedidas, seguimos caminho. Fizemos um desvio da BR 040 para a 381, para então pegar a 262 em direção a Uberlândia, nossa primeira parada. A saída foi por volta das 11h.

Arrumando a corrente do Chaltein na beira da estrada. O Rui tinha acabado de meter a cabeça nessa placa aí.

O dia ia tranquilo, afinal estávamos em terreno conhecido. Mas o destino não quis guardar as surpresas pra depois: logo depois da primeira parada, com 200km de viagem, a corrente da XT do Chaltein solta, e leva junto o protetor de corrente. Bom, não é nada animador, mas dias mais tarde todos concordávamos que uma corrente solta é o problema mais fácil que tivemos que resolver! hehe. Enquanto ajudava o Chaltein, nosso mecânico Rui vem com a hipótese que alguma coisa além da corrente pode ser a causa desses problemas, já que não é a primeira vez que acontece com a XT. Poderia ser algum problema na coroa da moto e/ou nos amortizadores. Anotado!

Apesar do trecho à noite, o resto do dia foi tranquilo. Chegamos em Uberlândia por volta das 20h30, devido ao atraso na saída e a quebra da corrente, 550 km depois.  No geral foi tranquilo! Dormimos no hotel Umuarama e jantamos uma pizza !

Anúncios

From → Machu Picchu

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: