Skip to content

Machu Picchu – 5º Dia – Pontes e Lacerda (MT) – Vilhena (RO)

18/05/2011

Conseguimos acordar as 6h! Uma vitória, comparado aos dias anteriores. Parece que o exercício de acordar de madrugada no dia anterior deu algum efeito. Tomamos café, arrumamos as malas, fechamos a conta, saímos, e fomos pra um posto abastecer. Exatamente como todos os outros dias.

Mas aí termina a semelhança desse dia para os demais. O Chaltein, ao sair do posto, calculou mal o espaço entre o pé dele e a muretinha do posto de gasolina. Bom, é um fato que nem a física quântica consegue fazer duas coisas ocuparem o mesmo espaço ao mesmo tempo, e além disso as leis de darwin pregam que os muros são superiores aos dedões. Portanto, nosso amigo viu seu dedão do pé esmagado e prensado entre a pedaleira da moto e a mureta.

Imediatamente o Chaltein foi ao chão, mas não sem antes morrer de dor para parar a moto, colocar o descanso e poupá-la de uma queda. Nesse ponto vale afirmar: esse cara gosta da moto dele. Antes desse episódio, por duas vezes ele queimou os braços completamente na tentativa de salvar a moto de uma queda, literalmente abraçando o motor. Eu e o Rui estávamos mais a frente aguardando os demais, e devido à demora voltamos para ver o que tinha acontecido. Achamos o Chaltein estirado no chão e o Logan socorrendo ele.

Coincidentemente havia uma concessionária Yamaha próxima ao posto, e o pessoal de lá foi nos ajudar e chamaram os bombeiros. O cenário não era muito bom: aparentemente se tratava de um dedo quebrado. Putz. A sensação de que poderíamos perder a compania de um de nós foi foda. Infelizmente não foi a última vez que tivemos isso.

O "Ospital" onde o Chaltein foi atendido !

Enquanto esperávamos o resgate chegar, ocorreu uma cena inusitada. O Chaltein costuma viajar com protetores de ouvido, pra diminuir o som do vento. Só que a cordinha desses protetores havia soltado do lado direito, deixando a espuma dentro do ouvido dele. Nisso o Rui ofereceu pra tirar o protetor, e assim, quando os bombeiros chegaram, foi isso que viram: um cara caído no chão grunindo de dor, e o outro com um alicate dentro da orelha do primeiro. Claro que tudo foi esclarecido e até rimos muito da cena.

Enquanto o Chaltein era levado para o hospital, aproveitei a boa vontade dos funcionários da concessionária e guardei a moto dele na Yamaha. O Rui aproveitou pra tentar achar os rentetores pra suspensão da moto dele, mas em vão. Pelo menos disseram que ele encontraria esses rentetores em Vilhena, uma cidade que estava no nosso caminho. Fomos aguardar notícias do Chaltein em frente ao hospital.

Meio dia, o Chaltein aparece, mancando, mas inteiro. Boas notícias: não havia quebrado, apenas uma luxação ou algo parecido. O médico receitou alguns remédios mas o Chaltein poderia continuar a viagem. Apenas teria que se acostumar a passar marcha com o calcanhar. Foi um alívio para todos nós! Saímos felizes de Pontes e Lacerda.

Andamos até Vilhena e paramos na Yamaha para o Rui trocar os rentetores da suspensão. Enquanto esperávamos o serviço, conversamos muito com o dono da concessionária, que imediatamente quis nos ajudar na nossa empreitada. Passou uma série de contatos de pessoas e motoclubes que se localizavam no caminho, em Porto Velho e no Acre. Depois, insistiu que passássemos a noite em Vilhena. Já eram umas 5 e pouco da tarde. Por fim, decidimos completar o dia de atraso no cronograma e ficamos em Vilhena. Jantamos num restaurante de caldos e dormimos cedo para a empreitada do dia seguinte.

Vilhena, em frente ao hotel. Dangelo, Rui, Logan, Chaltein

Anúncios

From → Machu Picchu

2 Comentários
  1. Logan permalink

    Só um detalhe, quem viu o Chaltein caindo no posto fui eu.
    Você e o Rui voltaram pra ver o que tava rolando e eu tava no posto pedindo água e médico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: